Cintia Lima – Advocacia e Assessoria Jurídica

Blog

ADVOGADOS ASSOCIADOS

Jornada de Trabalho na Copa do mundo 2018: Como fica?

By Cintia Lima | 21/maio/2018 | 418 Views | 0 Comentário

O Campeonato mundial de futebol, é um evento esportivo realizado a cada quatro anos, que reúne várias seleções para a disputa. E a história se repete: de um lado as empresas precisando faturar e do outro funcionários com a maior vontade de acompanhar o evento. A seleção brasileira joga duas das três partidas da primeira fase da Copa da Rússia em horário comercial.

Como fica o trabalho na hora dos jogos do Brasil na Copa?

O fato é que na legislação trabalhista não há nenhuma previsão legal que assegure aos empregados o direito de paralisar suas atividades profissionais durante o período de transmissão dos jogos da copa, ainda que os mesmos o façam no próprio ambiente de trabalho.

Por se tratar de um evento que ocorre esporadicamente, dificilmente também haverá previsão em convenção coletiva de trabalho, pois os sindicatos deixam que situações específicas desta natureza, sejam administradas entre a empresa e os empregados.

As empresas poderão liberar seus funcionários para assistir os jogos por meio de regulamento interno ou por mera liberalidade  existe ainda a possibilidade de estabelecer uma escala entre os funcionários. Entretanto cabe ao patrão a decisão final; se não houver a liberação dos empregados por nenhuma dessas possibilidades e o empregado deixar suas atividades laborativas, para assistir esses jogos, o empregador poderá descontar em folha de pagamento, o dia de trabalho, por se tratar de falta injustificada.

Dúvidas sobre dispensa por justa causa

Havendo acordo de banco de horas já estipulado pela empresa, esta poderá se utilizar deste meio para liberar os empregados de suas atividades em determinados dias, lançando as horas de folga no banco de horas, as quais poderão ser compensadas ao longo do período do acordo.

Uma alternativa que muitas empresas adotaram foi colocar uma televisão ou telão em suas dependências para que todos possam assistir aos jogos. O funcionário deve lembrar que seu comportamento é avaliado o tempo todo, mesmo em dias de jogos e comemorações. Uma atitude errada hoje poderá comprometer uma promoção amanhã. Isso também vale para palavras e gestos.

O jogo acabou, volte ao trabalho! Não é bom deixar de realizar alguma tarefa ou baixar a produtividade por causa de uma partida de futebol. É importante honrar suas metas e compromissos.

Referencia: Tributanet

Se você tem alguma dúvida sobre essa informação, me envie um comentário. Os interessados em esclarecer duvidas sobre Direito Trabalhista, podem entrar em contato com a Cintia Lima Advocacia pelo telefone 11- 2093-5027

Acompanhe nossas redes sociais estamos no Facebook e no Instagram.

Abraço a todos e até a próxima.

Cintia Lima Advogada inscrita na OAB/SP nº 309.760, especialista em Direito Tributário na PUC/SP com atuação em Direito do Trabalho, Direito Civil e Direito do Consumidor ( Com ênfase em contratos abusivos contra construtoras no que se refere às cláusulas de cancelamento do contrato de compra e venda do imóvel).

0 Comentários

Deixe o seu comentário!